Futebol Feminino em Mocambique ...

Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Futebol Feminino em Moçambique

Este blog tem como objectivo divulgar informação de carácter desportivo

Futebol Feminino em Moçambique

Este blog tem como objectivo divulgar informação de carácter desportivo

Primeira falta de comparência na prova

 

A SEGUNDA Edição da Liga Nacional de Futebol Feminino (LNFF) começou mal, com a falta de comparência do Clube Feminino da Matola que devia jogar com o Costa Sol, na partida de cartaz da quarta jornada (adiantada).

 

As “canarinhas” beneficiaram-se dos três pontos, na sequência de uma vitória na secretaria por 3-0. O clube matolense só se fez ao campo 15 minutos depois da hora marcada para o início da partida e porque a sua justificação do referido atraso não foi plausível, o delegado do jogo marcou falta de comparência.

 

Para além da falta de comparência, o clube matolense será punido disciplinarmente, incorrendo numa multa.

 

A LNFF decorre de forma bastante condicionada por falta de meios, sobretudo no que tange ao transporte aéreo. Com efeito, as jornadas são adiantadas e nalguns casos agrupadas para se reduzir os custos das deslocações.

 

O presidente da LNFF, Augusto Jamine, disse em contacto com o “Notícias” estar muito agastado com a situação, tendo dado ultimato à turma matolense. Ou seja, se voltar a se repetir o cenário, esta formação será excluída da competição por dois anos.

 

A mesma fonte garantiu que dentro em breve a questão do transporte aéreo será resolvida, estando refém de alguns detalhes.

 

 A prova conta com oito equipas, mas apenas quatro é que já se estrearam nesta que é a segunda edição.

 

Entretanto, no único jogo realizado no fim-de-semana, o Viveiros derrotou na tarde de domingo, o Cocorico, por 2-0 no “derby” de Nampula,

 

com esta vitória, o Viveiros passa a somar três pontos, menos três que o Costa do Sol que tem seis.

 

 As “canarinhas” são campeãs em título.

 

Fonte:Jornal Noticias