Futebol Feminino em Mocambique ...

Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Futebol Feminino em Moçambique

Este blog tem como objectivo divulgar informação de carácter desportivo

Futebol Feminino em Moçambique

Este blog tem como objectivo divulgar informação de carácter desportivo

“Canarinhas” entram com pé direito

 

A CERIMÓNIA de abertura da LNFF  foi abrilhantada pelo “ derby ” entre o Costa do Sol e o Benfica de Laulane, com as “ canarinhas ” a vencerem por 3-1 numa reviravolta no marcador.

 

Jogo equilibrado na primeira parte, com o Benfica de Laulane a fazer o golo aos 14 minutos, por intermédio de Noémia. O Costa do Sol tentou pressionar para forçar ainda cedo o empate, mas as “ encarnadas ” não permitiram que a sua baliza fosse violada na primeira parte.

 

 

O 1-0 prevaleceu até ao intervalo, para a desilusão das “ canarinhas ”, que momentos antes haviam levantado o troféu de campeãs, portanto, estava muito feridas no seu orgulho.

 

Veio o segundo tempo e muda tudo. O Costa do Sol estabelece-se no meio-campo “ encarnado ”, força o empate, sobe as linhas, manieta o adversário que se viu à nora, cedendo o tão almejado empate, com o golo a ser anotado pela suspeita de costume, Atália Mazuze, sim, a melhor marcadora da 1.ª edição, num remate rasteiro, passavam 61 minutos.

 

O golo embalou o Costa do Sol, que viu o Benfica de Laulane sem soluções para conter o seu caudal ofensivo.

 

Nove minutos volvidos é operada a reviravolta, uma vez mais, Atália Mazuze a facturar, num grande golo. Esta é uma autêntica predadora das balizas. A situação agravava-se para o Benfica, que tinha a estas alturas as suas unidades mais criativas de rastos.

 

O ataque “ canarinho ” era simplesmente demolidor, e quando tudo indicava que o jogo terminaria assim, nas compensações surgiu o 3-1, com assinatura de Fidélia.

 

O Costa do Sol foi um justo vencedor, sobretudo por aquilo que fez na segunda parte. Começou bem a defesa do título.

 

SÉRGIO MACUÁCUA

 

Fonte :Jornal Noticias